Programa do Governo de Minas vai destinar, ao todo, R$ 800 milhões para compra de equipamentos, mobiliários e carteiras escolares para todo o Estado

O governador Romeu Zema cumpriu agendas de trabalho na manhã desta quinta-feira (2/12), em João Monlevade, na região Central do Estado. Zema visitou a Escola Estadual Manoel Loureiro, que foi contemplada com recursos para a aquisição de equipamentos, mobiliários e recebeu conjuntos de carteiras escolares. Ao todo, as unidades de ensino estaduais do município receberam investimentos de R$ 1,36 milhão para a compra de equipamentos diversos e outros R$ 590 mil em conjuntos de mesas e cadeiras para professores e de carteiras para os alunos.

Foto: Cristiano Machado / Imprensa MG

“Estamos trocando o mobiliário, fazendo um investimento de mais de R$ 800 milhões em muitas escolas do Estado. Lembrando que esta melhoria não se restringe somente à reforma dos prédios ou do mobiliário. Desde o início do nosso governo a verba para a merenda foi substancialmente melhorada, o que fez com que as refeições tenham melhor qualidade. Temos também repassado o valor correto de manutenção e custeio, de forma que qualquer pequeno reparo que venha a ser necessário possa ser feito imediatamente. Tudo isso tem assegurado uma melhoria no sistema educacional. O índice do Ideb comprovou que Minas Gerais, depois de oito anos de estagnação, avançou e bateu recordes em português e matemática”, destacou o governador, lembrando o desempenho no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb).

Dos R$ 800 milhões anunciados pelo Governo de Minas para investimentos nas escolas, R$ 300 milhões foram destinados para a aquisição de conjuntos de carteiras escolares para alunos e professores e R$ 500 milhões para a compra de mobiliários e equipamentos. Os recursos foram encaminhados após levantamento das necessidades das unidades de ensino pela Secretaria de Estado de Educação (SEE/MG). O último investimento em itens como estes na rede estadual foi há oito anos.

Foto: Cristiano Machado / Imprensa MG

O diretor da Escola Estadual Manoel Loureiro, Joel dos Santos Pereira, ressaltou a importância dos investimentos na unidade, que recebeu mobiliário e equipamentos diversos, como aparelhos de som, armários, bancos, eletrodomésticos, copiadoras e projetores, além das carteiras.

“Os recursos foram muito importantes para equipar a nossa escola e dar melhores condições para os estudantes e até mesmo para os professores. Adquirimos projetores e telas que serão aplicados nos nossos projetos que desenvolvemos aqui, aprimorando o desempenho dos alunos”, disse.

Fonte: Agência Minas Gerais 

Enviar para impressão