A formação nas escolas de Ensino Médio de Tempo Integral da rede pública estadual de Minas segue a todo vapor. Na semana passada, cerca de dois mil servidores, diretores, especialistas e professores que vão atuar nas unidades de ensino das regionais que tiveram expansão em 2021 participaram de um curso on-line. A capacitação foi promovida pela Secretaria Estadual de Educação de Minas Gerais (SEE/MG), em parceria com o Instituto de Corresponsabilidade pela Educação (ICE).

As escolas que integram o EMTI contam com ações mais focadas no projeto de vida dos estudantes e no protagonismo juvenil. Além do aprofundamento acadêmico, o principal objetivo é dar ao estudante os instrumentos para que ele possa pensar, planejar e se preparar para alcançar o que quer para o seu futuro. Além disso, os jovens serão estimulados a encontrar qual é sua vocação para os próximos passos ao finalizar a educação básica.

EMTI em Minas

Em Minas Gerais, a Secretaria de Estado de Educação (SEE) está expandindo esse tipo de ensino de maneira a possibilitar que mais alunos possam se matricular na modalidade. Em 2019, 78 unidades ofertaram o ensino integral. Em 2020, com a expansão, o número subiu para 274. Já em 2021, são 399 escolas de EMTI, distribuídas nas 47 Superintendências Regionais de Ensino (SREs), ofertando mais de 67 mil vagas.

Do total de escolas EMTI, 66 ofertarão cursos técnicos. Em todo o estado, são 15 diferentes opções: Açúcar e Álcool; Agroecologia; Agronegócio; Agropecuária; Celulose e Papel; Desenvolvimento Cultural; Desenvolvimento de Sistemas; Eletroeletrônica; Eletrônica; Informática; Logística; Mecânica; Química; Segurança do Trabalho; e Transações Imobiliárias.