Município sedia último encontro regional antes da fase estadual, que irá votar propostas para incentivar a leitura.

Com inscrições on-line já abertas, Teófilo Otoni sedia, no dia 3 de outubro, o último encontro regional do Fórum Técnico Semeando Letras - Plano Estadual do Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas, realizado em parceria entre a Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) e as Secretarias de Estado de Cultura e de Educação.

O prazo para se inscrever pela internet vai até às 23h59 do dia 1º de outubro. Depois, somente no dia e no local do evento, que será realizado das 9 às 18 horas, no Centro de Educação Profissional (Rua Aristides Dantas Guimarães, 166, Santa Clara).
O objetivo do fórum é avaliar propostas do Governo do Estado e apresentar contribuições da sociedade civil para a elaboração do Plano Estadual do Livro, que vai estabelecer metas e diretrizes para os próximos dez anos, a fim de incentivar a leitura e democratizar o acesso às bibliotecas.

O encontro regional de Teófilo Otoni abrange os territórios de desenvolvimento do Mucuri e do Alto/Médio e Baixo Jequitinhonha e integra a etapa de interiorização do fórum, cuja fase estadual será realizada de 22 a 24 de novembro, em Belo Horizonte.
O documento de sugestões de Teófilo Otoni vai se somar ao das demais regiões do Estado envolvidas no fórum, subsidiando as discussões e votações na etapa estadual.

Até lá, os encontros regionais terão passado por outras seis cidades: Varginha (Sul de Minas), Juiz de Fora (Zona da Mata), Montes Claros (Norte de Minas), Governador Valadares (Vale do Rio Doce), Uberlândia (Triângulo Mineiro) e Belo Horizonte.

Programação tem trabalho em grupos

As atividades da programação em Teófilo Otoni envolvem, pela manhã, mesa de abertura, palestra magna e apresentação sobre a construção do Plano Estadual do Livro, seguida da eleição de representantes da região para a etapa final em Belo Horizonte.

Já a discussão de propostas será feita em quatro grupos de trabalho, cada um sendo responsável pelo debate de um tema:

Grupo 1: Democratização do acesso
Grupo 2: Fomento à leitura e à formação de mediadores
Grupo 3: Valorização institucional da leitura e de seu valor simbólico
Grupo 4: Desenvolvimento da economia do livro
As discussões do fórum são orientadas por um documento de referência, sistematizado pela Assembleia com a comissão executiva do fórum. Os participantes podem, no entanto, apresentar novas propostas.

Cada grupo deverá priorizar três das novas sugestões aprovadas. As propostas serão avaliadas na etapa final e, se aprovadas, vão constar do documento final.

Consulta pública já está disponível

Além das discussões presenciais nas regiões, o fórum está aberto também a sugestões da população, que já pode contribuir com propostas por meio de consulta pública on-line lançada na última segunda-feira (18/9/17). O link ficará disponível no Portal da Assembleia até 13 de outubro.

As contribuições da população serão debatidas na etapa final do evento. A consulta está organizada em temas relacionados aos eixos de atuação do Estado, conforme o Plano Nacional do Livro e Leitura (Decreto Federal 7.559, de 2011).

Para estimular o envio das contribuições, foram formuladas questões sobre cada tema, com base no Diagnóstico do Plano do Livro, elaborado por grupo de trabalho criado pelas Secretarias de Estado de Educação e de Cultura, e no Documento de Propostas para os Encontros Regionais do fórum técnico.

Assim, o interessado pode escolher os tópicos de seu maior interesse, clicando, por exemplo, em bibliotecas públicas, escolares e comunitárias em separado; e ainda em acervo e acessibilidade; uso de tecnologias para leitura; formação de mediadores de leitura; incentivo à leitura; mercado livreiro; produção autoral, entre vários outros.

Cada tópico dará acesso a um texto situando o assunto e a perguntas para estimular o registro de propostas, tais como:

- Tendo em vista a ausência de informações relativas às bibliotecas comunitárias em Minas Gerais, quais devem ser as ações do Estado para viabilizar um diagnóstico desses espaços e para consolidar parcerias com o governo estadual?

- Quais devem ser as ações do Estado para dotar todos os municípios de Minas Gerais de bibliotecas públicas com estrutura, pessoal e acervo adequados?

- Diante da necessidade de formar leitores, quais devem ser as ações do Estado para fomentar a regularidade das ações de incentivo à leitura?

Fonte: Assessoria Comunicação da ALMG