Em visita ao município, secretária Macaé Evaristo conheceu três escolas estaduais

A Escola Estadual Messias Pedreiro, no município de Uberlândia, no Triângulo Mineiro, iniciou este ano a participação no Programa de Escolas Associadas da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco). O objetivo fundamental da iniciativa é criar uma rede internacional de escolas que trabalhem pela idéia da cultura da paz. Por isso, o Programa consiste, basicamente, no estímulo a projetos ligados a um tema central, que é o Ano Internacional proposto pela Unesco, ou simplesmente dirigidos à ampliação da consciência de cidadania.

A partir da participação na iniciativa, a escola é estimulada a criar projetos que discutam temas como a questão da cidadania global e respeito ao meio ambiente. Em 2015, ano em que a escola se associou à Unesco, os estudantes desenvolveram o projeto “Espelho de Oxum”e produziram 54 vídeos que abordavam a temática da cidadania global. Este ano, os estudantes estão trabalhando o projeto da “TIC- Tecnologias da Informação”.

Escola Estadual Messias Pedreiro iniciou este ano a participação no Programa de Escolas Associadas da Unesco. Foto: Geanine Nogueira / ACS SEE

 

“Os alunos estão produzindo vídeos de um minuto para discutir o tema central desse ano, que é a igualdade de gênero. Também fazemos atividades que utilizam o celular e a internet. Até mesmo para atividades avaliativas estamos usando a internet. É um trabalho interdisciplinar que pretende ensinar aos estudantes a fazer uso consciente, cidadão e cientifico do celular e da internet”, destacou a professora de História, Maria Helena Raimundo, ao apresentar o projeto à secretaria de Estado de Educação, Macaé Evaristo, durante visita à escola. Em Minas Gerais, o Programa de Escolas Associadas conta com a participação de 15 escolas, sendo quatro delas da rede estadual de ensino.

Alunos iniciaram aulas no novo prédio da Escola Estadual Alda Mota Batista este ano. Foto: Geanine Nogueira/ ACS SEE

 

Durante sua passagem pela cidade de Uberlândia, a secretária de Estado de Educação também conheceu o novo prédio da Escola Estadual Alda Mota Batista. As aulas no novo prédio tiveram início este ano. A escola atende cerca de 800 alunos do Ensino Fundamental e do Ensino Médio. Para receber a secretária, os estudantes fizeram apresentações artísticas.

Outra escola que recebeu a visita da secretária, Macaé Evaristo, foi a Escola Estadual Felisberto Alves Carrijo. A secretária conheceu o projeto “Um lápis mil ideia” e a iniciativa de criação de jornal mensal da escola. As atividades são desenvolvidas pelos estudantes.

Na Escola Estadual Felisberto Alves Carrijo estudantes apresentaram os projetos de literatura para a secretária Macaé Evaristo. Foto: Geanine Nogueira/ ACS SEE

 

Inauguração da Emei Maria Floripes Alves

A secretária Macaé Evaristo também participou da inauguração da Escola Municipal de Educação Infantil (Emei) Maria Floripes Alves, no bairro Luizote de Freitas. A unidade escolar atenderá mais de 250 crianças com idade entre zero e três anos. A nova unidade escolar foi construída com recursos do Governo Federal e do Município sendo investidos aproximadamente R$ 2,2 milhões. As aulas terão inicio na segunda quinzena de agosto.

Secretária Macaé Evaristo também participou da inauguração da Escola Municipal de Educação Infantil  Maria Floripes Alves. Foto: Geanine Nogueira/ ACS SEE

Maria Floripes Alves foi servidora pública da área educacional por mais de 30 anos nas cidades de Cascalho Rico e Uberlândia. Exerceu a função de auxiliar de serviços gerais (ASG), popularmente chamada de merendeira.