Na Escola Estadual José Paranaíba, no município de Santa Vitória, todos os alunos dos anos finais do ensino fundamental já estão inscritos na 16ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep). A escola participa da iniciativa todos os anos e, por isso, a diretora, Luiza Maria de Lima, já fez o cadastro de todos os estudantes dessa etapa da educação básica. As inscrições na Obmep podem ser feitas até o dia 20 de março no site www.obmep.org.br.

“Assim que começa o período, a escola já faz a inscrição. Depois disso, motivamos os alunos a participarem. Tentamos motivar os estudantes a aproveitarem todas as oportunidades, como essa, que aparecem. Aqui foram inscritos cerca de 430 alunos”, conta Luiza.

Na escola, são oferecidas aos estudantes, também, aulas extras que ajudam na preparação para a Olimpíada. O projeto é desenvolvido pelo professor de Matemática, Leandro Francisco Alves. “Convidamos todos os alunos inscritos para participar. É como se fosse um grupo de estudos. As aulas são no contraturno. Nós tiramos dúvidas e resolvemos provas de edição anteriores”, explica Leandro.

Na Escola Estadual Doutor Norberto Custodio Ferreira, em Cataguases, as inscrições, dos cerca de 700 alunos dos anos finais do ensino fundamental, foram feitas logo nos primeiros dias. “Sempre estimulamos a participação dos alunos. Os professores desenvolvem atividades. Sempre temos estudantes premiados. A Obmep já virou referência para todos”, afirma o vice-diretor da escola, Rodrigo Areal Ferreira.

Inscrições

As inscrições na Obmep podem ser feitas até a próxima sexta-feira (20/3). Podem participar escolas municipais, estaduais, federais e privadas de todo o país. Realizada pelo Instituto de Matemática Pura e Aplicada (Impa), a maior competição científica do país é destinada aos estudantes do Ensino Fundamental (6º ao 9º ano) e do ensino médio. A inscrição deve ser feita pelas escolas apenas pelo site da Obmep: www.obmep.org.br.

As provas da 1ª fase serão realizadas no dia 26 de maio e as da 2ª fase serão aplicadas no dia 26 de setembro. Elas serão distribuídas de acordo com o grau de escolaridade do aluno: nível 1 (6º e 7º anos), nível 2 (8º e 9º anos) e nível 3 (qualquer ano do Ensino Médio).

Os aprovados para a segunda etapa vão ser conhecidos em 9 de julho e a divulgação dos premiados será em 8 de dezembro. Premiados com medalha de ouro, prata ou bronze garantem o ingresso em programas de iniciação científica.

Confira aqui o regulamento completo da Olimpíada

A Obmep

Criada pelo Impa em 2005 e realizada com apoio da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM), a competição é promovida com recursos do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e do Ministério da Educação (MEC). A Obmep contribui para estimular o estudo da matemática no Brasil, identificar jovens talentosos e promover a inclusão social por meio da difusão do conhecimento.

Participação mineira


Os estudantes das escolas públicas de Minas Gerais se destacaram na edição de 2019 da Obmep. Eles ganharam, ao todo, 1.070 medalhas, sendo 85 de ouro, 242 de prata e 743 de bronze.