Proposta pedagógica que tem como foco o protagonismo juvenil já começa a ser desenvolvida nas escolas

Estudantes, professores e demais servidores das 71 escolas estaduais que ofertam a educação integral para o ensino médio tiveram uma semana diferente. Chamada de Semana do Acolhimento, eles participaram de atividades desenvolvidas para apresentar os princípios e bases que fundamentam a proposta pedagógica que será desenvolvida a partir deste semestre nas escolas.

As atividades da Semana do Acolhimento foram desenvolvidas por Jovens Protagonistas (JP’s), jovens egressos de escolas que já desenvolvem o modelo da Escola da Escolha, que serviu como base para a reestruturação da proposta pedagógica mineira.

Atividades com os alunos da Escola Estadual Professora Júlia Kubitschek. Foto: Arquivo da escola

A primeira ação da semana foi o acolhimento dos servidores que atuam nas escolas, como conta a professora de Língua Portuguesa e coordenadora da educação integral na Escola Estadual Professora Júlia Kubitschek, em Passos, Cláudia Luiza Medici. “Ficamos reunidos e passamos por várias dinâmicas. Falamos um pouco sobre a nossa expectativa em relação à nova proposta e discutimos sobre como mostrar para os alunos que eles podem sonhar e como fazer para alcançar seus objetivos”.

Acolhimento e escuta

O acolhimento dos alunos também teve como foco fazer com que os estudantes pudessem entender e se apropriar da proposta. Ao chegar na sala onde foram realizadas as dinâmicas, o estudante Vinicius Jeremias Peixoto ficou surpreso. “Foi muito bom. Estamos nos sentindo muito especiais. Acredito que a mudança vai ajudar no nosso crescimento e que a escola vai nos apoiar”, revela o aluno do 1º ano do ensino médio da Escola Estadual Professora Júlia Kubitschek.

Professores da Escola Estadual Professora Júlia Kubitschek também participaram das ações. Foto: Arquivo da Escola

Aluna do 1º ano do ensino médio da Escola Estadual Magno Claret, em Pedro Leopoldo, Sara Cristina Martins de Jesus, teve a oportunidade de esclarecer alguns pontos que ainda não estava entendendo sobre os novos conteúdos que serão ministrados. “Eu tinha algumas dúvidas que foram respondidas e o que eu mais gostei foi que nessa semana falamos sobre os nossos sonhos e futuro e como gostaríamos que a nossa escola fosse”, destaca.

Já a professora de Matemática da escola, Cléa da Silva Correa, conta da expectativa para começar a trabalhar com a nova metodologia. “Estou ansiosa para o início da proposta. Estamos com vontade de que dê certo”.

A proposta

A proposta pedagógica que será executada a partir de agora tem como foco o projeto de vida do estudante – planejamento do futuro e protagonismo juvenil. A implementação é resultado de uma parceria metodológica entre a Secretaria de Estado de Educação (SEE) e o Instituto de Corresponsabilidade pela Educação (ICE), que é o idealizador do Modelo Escola da Escolha. Essa metodologia já foi implantada em outros estados, em outras redes de ensino com resultados exitosos. As escolas da rede estadual de ensino que ofertam a educação integral para o ensino médio fazem parte do Programa de Fomento à Educação em Tempo Integral, do Ministério da Educação.

Atividades na Escola Estadual Magno Claret. Foto: Arquivo da escola

Formação

Educadores que atuam com a educação integral para os estudantes do ensino médio estão participando desde o mês de julho de formações que auxiliaram no desenvolvimento da proposta pedagógica nas escolas. Já foram formados dois grupos de educadores. Eles participaram de oficinas que discutiram projeto de vida, a gestão do ensino e da aprendizagem, eixos formativos, metodologias de êxito, entre outros. Na próxima semana, outro grupo de educadores participará de mais um encontro e formação sobre a proposta.

Leia mais:

- Cerca de 1 mil educadores participam de formação para reestruturação do Ensino Médio Integral

Proposta pedagógica da educação integral no ensino médio será reestruturada para o segundo semestre

Ensino médio: profissionais da educação participam de formação sobre a reestruturação da educação integral

- Encontro de formação do ensino médio tem avaliação positiva pelos participantes

Enviar para impressão