Primeiro centro foi inaugurado em Diamantina e atenderá educadores das Superintendências Regionais de Ensino de Curvelo, Guanhães e Diamantina

A rede estadual de ensino passou a contar este ano com o primeiro Centro de Referência em Educação Especial Inclusiva (CREI) para atender às áreas de deficiência intelectual e transtornos globais de desenvolvimento. Ele é vinculado administrativamente à Escola Estadual Professor Ares da Mata Machado, em Diamantina, e atenderá educadores de escolas públicas das Superintendências Regionais de Ensino (SREs) de Guanhães, Curvelo e Diamantina. O CREI foi inaugurado no mês de novembro.

De acordo com o Censo 2017, a rede estadual de ensino atende a cerca de 50 mil estudantes com algum tipo de deficiência ou transtornos globais de desenvolvimento. O objetivo do Centro é promover ações de apoio ao desenvolvimento do trabalho educacional dos profissionais da educação. Ele será composto por uma equipe multiprofissional, que deu início aos trabalhos no mês de agosto.

Para o pleno funcionamento do CREI, a SRE de Diamantina já está fazendo o levantamento das demandas. “O serviço de apoio à inclusão da SRE de Diamantina está levantando a demanda nessas três regionais para fazer o plano de atendimento anual. Vão ver a necessidade de curso, de produção de material para estudantes com deficiência e vão capacitar os professores de apoio e da sala de recurso para atendimento, principalmente, de estudantes das áreas de deficiência intelectual e transtornos globais de desenvolvimento”, destaca a diretora de Educação Especial, Maria Luiza Gomes Passos Vieira.

Ainda segundo Maria Luiza, o CREI é uma conquista de todos. “O Centro é uma conquista dos professores e também dos estudantes com deficiência, porque sai da lógica de escola especial e oferece formação. É um espaço que trabalha na perspectiva da educação inclusiva. Uma escola para todos”, conclui.

A Secretaria de Estado de Educação elaborou uma cartilha que traz as diretrizes de organização e funcionamento do Centro.

Enviar para impressão