Escolas mineiras já podem se preparar para participar da feira. Inscrições terão início em 31 de maio

Educadores e estudantes já podem se preparar para participar da 20ª edição da UFMG Jovem. Está disponível para consulta o edital da feira e o período de inscrição começa no dia 31 de maio e vai até 07 de julho. O evento tem por objetivo propiciar um espaço de encontro e intercâmbio de ideias entre a Universidade e a Educação Básica e Profissional, bem como entre professores e estudantes de escolas de toda Minas Gerais.

Em 2018, Estudantes das escolas estaduais João Pinheiro, em Ituiutaba, e Professor Zoroastro Vianna Passos, em Sabará, faturaram os primeiros lugares das categorias Ensino Fundamental e Ensino Médio. Foto: Arquivo Escola Estadual Professor Zoroastro Viana Passos

Com o tema "Biodiversidade, Tecnologia e Arte", a Mostra será realizada nos dias 19 e 20 de setembro de 2019, na Praça de Serviços do campus Pampulha da UFMG. Podem participar escolas públicas e privadas de Minas Gerais, que sejam da Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio, incluídas as modalidades da Educação Profissional e Educação de Jovens e Adultos. Cada professor poderá concorrer com até dois projetos.

O resultado da seleção ocorrerá dia 09 de agosto.

A 20ª UFMG Jovem é um evento realizado pela Diretoria de Divulgação Científica da UFMG (DDC), vinculada à Pró-reitoria de Extensão. Para mais informações entre em contato através do e-mail: ddc-conhecimentoparatodos@proex.ufmg.br ou pelos telefones: (31) 3409-4427 | (31) 3409-4428.

Confira aqui o edital

Participação da rede estadual de ensino

Na edição de 2018 da UFMG Jovem, os alunos da rede estadual de ensino de Minas Gerais conquistaram os primeiros lugares na feira. Com o projeto “Efeitos dos agrotóxicos aplicados em canaviais nas culturas adjacentes à Escola”, os alunos da Escola Estadual João Pinheiro, em Ituiutaba, faturaram o primeiro lugar na categoria Ensino Fundamental. Já os estudantes da Escola Estadual Professor Zoroastro Vianna Passos, em Sabará, ficaram com a primeira colocação na categoria Ensino Médio ao apresentar o projeto “Leishmaniose: Conhecer Para prevenir”.