Vagas são para a função pública de Professor de Educação Básica (PEB), para os componentes curriculares dos Campos de Integração Curricular. Prazo termina nesta terça-feira (26/02)

Professores regentes de aula interessados em atuar em escolas da rede estadual de ensino que ofertam o Ensino Médio Integral e Integrado devem ficar atentos ao período de inscrição para a designação 2019. As inscrições estão abertas e devem ser feitas pessoalmente ou por procuração na escola que oferta a iniciativa. O prazo termina nesta terça-feira (26/02). As vagas são para componentes curriculares dos Campos de Integração Curricular e os candidatos podem se inscrever em até três disciplinas. Serão observadas a habilitação e a experiência para o componente a que se propõe.

 Os nomes das escolas que ofertam o Ensino Médio Integral e Integrado e a lista dos componentes curriculares de cada Campo de Integração Curricular ofertados são divulgados pelas Superintendências Regionais de Ensino (SREs).

O processo de classificação é formado por duas etapas classificatórias e eliminatórias: análise de currículo e aula prática. Os candidatos serão classificados em lista final, única, por escola e por componente curricular de designação.

De acordo com o cronograma, a divulgação dos classificados na primeira etapa acontecerá no dia 27 de fevereiro e a aula prática dos selecionados para segunda etapa está marcada para o dia 28 do mesmo mês.

Os critérios e os procedimentos para inscrição, classificação e designação de candidatos foram definidos pela Resolução SEE nº 4.121/2019, publicada no Diário Oficial Minas Gerais do último sábado (23/02).

Confira AQUI a lista com os nomes e endereços das escolas que ofertam o Ensino Médio Integral e Integrado

Educação Integral e Integrada para o Ensino Médio

Em Minas Gerais, 78 escolas estaduais participam da iniciativa. O currículo da Educação Integral e Integrada é constituído de duas partes – formação básica, que compreende as temáticas de cada área do conhecimento indicadas na Base Nacional Comum Curricular, e flexível, de acordo com três campos de integração: Cultura, Artes e Cidadania; Múltiplas Linguagens; Comunicação e Novas Mídias e Pesquisa e Inovação Tecnológica e ainda com a oferta de pelo menos um curso técnico à escolha dos estudantes.